domingo, 8 de maio de 2011

SLIDE CACTOS (uma das maiores perfeição da natureza )

8 comentários:

  1. Parece estranho? Mas não é !

    Quando estou viajando todos os meus sentidos se voltam a admirar as paisagens; sejam elas matagais , flores ,rios ,enfim,toda a natureza.. Todos correm velozes como a velocidade do carro aos meus olhos.Tudo passa . No entanto, há uma que fica,insistindo,enraizada em meus olhos, na mente e no coração como um flash ou um set de filmagem através de uma profunda reflexão e contemplação.Nesta hora ,até as orquídeas e as flores tropicais perdem para o esplendor do mandacaru.
    O fato é que ,quanto mais o carro se distancia ,quilômetros após quilômetros ,ele , o mandacaru está lá em minha mente :imponente, majestoso e verdinho contrastando com o sol escaldante e inclemente resistindo a dureza dos rochedos e a aspereza da terra ressequida.

    ResponderExcluir
  2. Sendo ele um cacto arbóreo da caatinga e sobrevivente de longas e íngremes secas,como pode possuir tanta beleza ?
    Muitas vezes só ele está ali decorando o ambiente,esbanjando elegância ,passividade e charme .
    Penso muito,por quê o mandacaru se volta para as minhas reflexões? Será por que o pensamento e a imaginação são os grandes senhores das construções humanas ?
    Por todo o percurso da viagem que resta ,vem a seguinte constatação:o mandacaru é uma metáfora de muitos seres humanos que em meio as agruras da vida –sofrimento,pobreza ,desprezo –continuam ali :de pé ,corajosos,lutando ;não importando o calor do sol,a secura da terra ,as tempestades, a dureza das rochas.
    As cicatrizes deixam marcas e choramos. O mandacaru quando cortam seus espinhos derrama o visgo como se fossem lágrimas .Ora,os espinhos são para enfeitá –lo ... as adversidades pelas quais passamos, são para deixar-nos mais fortes.
    A flor que brota em meio aos espinhos são para mostrar a beleza da vida como as conquistas e vitórias que conseguimos após lutas e caminhadas.

    IVANETE NUNES DE OLIVEIRA

    ResponderExcluir
  3. É mais uma prova de que até na aspereza e aridez da terra podem nascer as mais belas flores.Então diante da aridez da vida,dos caminhos íngremes podem nascer as flores da esperança,dos sonhos,do otimismo e da perseverança.
    IVANETE

    ResponderExcluir
  4. Oi Ivanete,
    vim te agradecer por tuas visitas e gentilezas.
    Muito obrigada mesmo!!
    Amei os cactus e confesso nunca ter visto desses tipos.
    Um abraço.
    Rejane

    ResponderExcluir
  5. É a prova que tudo na natureza tem a sua beleza.

    ResponderExcluir
  6. obrigada pela visita...e pelo carinho...seu blog é lindo!!!!


    bjo!


    Zil

    ResponderExcluir
  7. Os cactos são lindos Ivanete
    Por serm resistentes e moro em apartamento tenho alguns plantadinhos aqui, mas sem flores porque esses florescem mesmo no ambiente natural.
    Adorei seu texto sobre os mandacarus e concordo,
    flores lindíssimas em meio a aspereza e espinhos.
    Um grande abraço
    Parabéns pelo post , lindo!

    ResponderExcluir
  8. Ivanete querida

    quanta sensibilidade você demonstra. Ao viajar atraída pela paisagem, tirando dela as reflexões e paralelos com a vida, como a resistencia e fortaleza do cactus.

    È encantador esse seu olhar que nos brindou com sua reflexão e este seu lindo texto, compondo a beleza forte dos catus.

    Lindo!

    Beijos!

    ResponderExcluir