segunda-feira, 29 de outubro de 2012

GRAMÁTICA NO TEXTO

PLANO DE AULA COM AS CONJUNÇÔES

http://revistaescola.abril.com.br/lingua-portuguesa/pratica-pedagogica/gramatica-textos-611249.shtml

1. Em destaque, as conjunções
Depois da leitura e da análise do artigo à direita, Patricia elegeu conjunções coordenativas e subordinativas presentes nele. "É mais fácil aprendê-las ao mesmo tempo do que separadas." Ela destacou apenas as que julgou serem familiares aos alunos e recorrentes em suas produções.


Troque os termos destacados por outros.

Quando Termina a Adolescência?

(...) Agora as crianças já começam a se comportar como adolescentes muito tempo antes de a puberdade se manifestar e continuam se comportando e vivendo assim por muito mais tempo. Mas essa fase tem de terminar perto dos 20 anos.

(...) Qual a diferença entre o adulto e o adolescente? Justamente essa: o adolescente ainda está a caminho de ter autonomia sobre sua vida. Os pais, mesmo que à distância e discretamente, ainda tutelam os passos do filho adolescente, e não sem razão. É que, para estes, ainda é prioritário e natural pensar primeiro no tempo presente, no prazer, na diversão, e só depois - às vezes tarde demais - nas consequências que suas atitudes e comportamentos podem provocar...

(...) Situações desse tipo não faltam numa sociedade que trata seus cidadãos de modo infantilizado e os faz acreditar - e muitos acreditam - que isso é feito para o bem-estar deles. Por isso, é bom que pais e educadores pensem com carinho na educação que praticam: para que crianças e adolescentes atinjam a vida adulta é preciso que sejam tratados de modo coerente e sejam responsabilizados, pouco a pouco, por aquilo que são capazes de arcar.

Fonte blogdaroselysayao.blog.uol.com.br/arch2007-05-16_2007-05-31.html. Publicado em 22/5/2007


Termos com o mesmo sentido
Após a substituição das palavras marcadas por outras, como as relacionadas à direita, todos discutiram se as produções tinham preservado o sentido original. Veio, então, a questão: "Considerando o aspecto gramatical, o que essas palavras têm em comum?" Só depois de ouvir as respostas, a professora disse que a conjunção é uma classe gramatical e apresentou exemplos. Para explicar a função que ela exerce no texto, aproveitou a fala dos estudantes.


Mas = Contudo
Mesmo que = Embora
E = Mas também
Por isso = Portanto

Mas = Entretanto
Mesmo que = Desde que
E = Seja
Por isso = Portanto

2. Na gramática, outros exemplos
Como tarefa para casa, a professora pediu que os alunos fizessem uma pesquisa sobre as conjunções em uma gramática. Na aula seguinte, eles confrontaram a tarefa com as hipóteses e observações levantadas anteriormente e se admiraram com a quantidade de exemplos encontrados. A professora explicou que não era necessário decorar todas nem mesmo classificá-las de forma rígida. O importante, ela avisou, era compreender a acepção que apresentavam no texto e apresentou diferentes trechos em que as conjunções apareciam.

3. A função no texto A turma já conhecia vários tipos de conjunção, mas precisava refletir mais sobre seu uso. Patricia propôs atividades em que era preciso identificá-las, indicar o(s) sentido(s) delas ou substituí-las mantendo o sentido, como no poema à direita. Durante a correção, ela perguntou se o "e" em destaque tinha o sentido de adição. Todos entenderam a quebra de expectativa que o "e" traz ao poema, pela ideia de adversidade. Depois, analisaram outros textos para determinar a função dessa conjunção.


Leia o poema de Millôr Fernandes a seguir e escreva qual o sentido da conjunção "e" destacada. Explique.

Poeminha Tentando Justificar Minha Incultura

Ler na cama
É uma difícil operação
Me viro e me reviro
E não encontro posição.
Mas se, afinal,
Consigo um cômodo abandono,
Pego no sono


O "e" tem o sentido de mas e não de adição.
4. Diferentes sentidos
Depois de ler os versos da canção à direita, os alunos responderam que a conjunção "como" traz o significado de comparação. A professora explicou que ela também pode aparecer como conjunção causal. Na gramática, eles verificaram que, quando dois elementos coordenados, num processo de correlação, aparecem iniciados pela conjunção "ou", eles obrigatoriamente se excluem. No trecho da canção, verificaram que o sentido de exclusão também pode aparecer com a presença de apenas um "ou".


Indique o sentido das conjunções destacadas deste trecho da canção Roda Viva, de Chico Buarque de Hollanda.

Tem dias que a gente se sente
Como quem partiu ou morreu
A gente estancou de repente
Ou foi o mundo então que cresceu


O "como" mostra a comparação entre duas coisas e o "ou" dá a ideia de exclusão.
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário